2 de dez de 2013

Resenha - A cidade do sol

Olá,
   hoje é dia de resenha e essa semana é de um livro que eu adorei, "A cidade do sol" de Khaled Hosseini.

A cidade do sol 
Título original: A Thousand Splendid Suns
Autor: Khaled Hosseini
Páginas: 368
Editora: Nova fronteira
Minha avaliação: 
Skoob

Mariam tem 33 anos. Sua mãe morreu quando ela tinha 15 anos e Jalil, o homem que deveria ser seu pai, a deu em casamento a Rashid, um sapateiro de 45 anos. Ela sempre soube que seu destino era servir seu marido e dar-lhe muitos filhos. Mas as pessoas não controlam seus destinos. Laila tem 14 anos. É filha de um professor que sempre lhe diz: "Você pode ser tudo o que quiser." Ela vai à escola todos os dias, é considerada uma das melhores alunas do colégio e sempre soube que seu destino era muito maior do que casar e ter filhos. Mas as pessoas não controlam seus destinos. Confrontadas pela história, o que parecia impossível acontece: Mariam e Laila se encontram, absolutamente sós. E a partir desse momento, embora a história continue a decidir os destinos, uma outra história começa a ser contada, aquela que ensina que todos nós fazemos parte do "todo humano", somos iguais na diferença, com nossos pensamentos, sentimentos e mistérios.

Resenha:

Mariam é uma mulher de 33 anos, aos 15 seu pai a deu em casamento para Rashid, mesma época em que sua mãe morreu. Mariam cresceu sabendo que mulheres não tinham chance em seu país e que seu dever era servir seu marido, dar-lhe muitos filhos e obedecer. 
Laila é uma jovem de 14 anos, filha de um professor, ela vai à escola, é uma das melhores alunas e sempre ouviu de seu pai que poderia ser o que quisesse.
O destino dessas duas mulheres se cruzam em uma época e um país onde mulheres não são consideradas tão evoluídas quanto os homens e apesar de todo o sofrimento que viveram uma nova história começa. 

Um livro que realmente me impressionou, apesar de já saber o quanto Khaled Hosseini era bom escritor não esperava um livro melhor que O caçador de pipas e no fim foi o que tive. Um livro que, tenho certeza, jamais esquecerei. Sem duvidas um dos melhores que já li. Uma história que não me chamou atenção na sinopse, mas que me ganhou e surpreendeu. ´

Recomendo a todos os leitores, é um livro que merece ser lido por todos e que todos merecem ler.

Frases:

"Com o passar do tempo, foi aos poucos se cansando desse exercício. Começou a achar cada vez mais exaustivas essas tentativas de evocar, de desenterrar, de ressuscitar mais uma vez o que há muito tinha morrido. Na verdade, anos mais tarde, chegaria o dia em que Laila não choraria mais por essa perda. Ao menos, não tanto, não tão constatemente. Chegaria o dia em que os detalhes daquele rosto começariam a escapar às garras da memória."

"Só há uma coisa na vida que precisamos aprender, e ninguém ensina isso nas escolas. A capacidade de suportar."









2 comentários:

  1. oii Pan, então, A cidade do Sol é um dos meus livros favoritos do mundo todo, é lindo, muito tocante, já li várias vezes e sempre choro :(
    E sempre fico me perguntando, como pode, o mundo ser tão cruel? :(

    Adorei a resenha!
    beijos!!
    http://traduzindo-sonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi! Adorei o blog. Seguindo, claro!
    Beijos,
    Isabelle
    http://www.verbosdiversos.com/

    ResponderExcluir

Segue o Página 394

Twitter

Nosso instagram