13 de jun de 2015

Séries para tentar | 4 indicações



Olá, queridos. Vocês sabem o quanto adoro gastar meu tempo livre com séries e nesse inicio de mês me permiti começar a acompanhar algumas séries novas, pra essa postagem separei quatro séries que conseguiram me agradar e que podem ser boas indicações, é claro que por enquanto são apenas uma boa tentativa. Então, vem.


Uma epidemia - ao menos é o que parece ser - mata todos com idade acima de 22 anos em Pretty Lake. 
A série é nova e até agora tem quatro episódios e eu como boa atrasada só assisti dois, até esse segundo episódio não da pra saber muito sobre o mistério por trás dessas mortes, mas a série chamou minha atenção e parece valer a pena tentar, mesmo que seja pra depois se arrepender.

Uma doença desconhecida e misteriosa surge e leva a óbito todos os que tem mais de 22 anos. Quando o governo decide colocar uma área de 16km de diâmetro em quarentena, deixando todos os habitantes à própria mercê, uma luta pelo poder se inicia.





Um "amigo imaginário", Drill, envolve crianças em um jogo com consequências reais e perigosas.
A série tem dois episódios e eu assisti apenas um, já que o segundo saiu durante essa semana, confesso que comecei a série por motivos de "Lily Rabe no elenco", mas ela é cheia de mistérios, do jeitinho que eu amo e existem tantas coisas envolvidas em apenas um episódio que acaba sendo impossível não gostar.

Uma força invisível está fazendo as crianças atuarem em favor de sua causa. Quando centenas de crianças em Washington D.C. começam a falar sobre o amigo imaginário Drill, o que os pais não sabem é que Drill não é tão imaginário assim, e capaz de induzir as crianças a brincarem com um jogo perigoso, e com consequências bastante reais.



Um jovem programador acha que só pode se conectar com as pessoas hackeando suas vidas, mas acaba chamando atenção de pessoas poderosas.
Comecei Mr. Robot por acaso, só temos um episódio liberado, mas eu consegui gostar muito, o tipo de narração da série e todo o clima combina com a história e o primeiro episódio pode vir seguido de vários outros ótimos episódios.

A história acompanha a vida de Elliot, um jovem programador que sofre de uma desordem que o torna anti-social.
Acreditando que a única forma de se conectar com as pessoas é hackeando suas vidas, ele alia seu conhecimento ao fato de trabalhar em uma empresa de segurança online para proteger aqueles que ele ama daqueles que tentam, de alguma forma, prejudicá-los.
Suas atividades chamam a atenção de Mr. Robot, um misterioso anarquista que convida Elliot a fazer parte de uma organização que atua na ilegalidade com o objetivo de derrubar as corporações americanas.



Essa é a única da postagem que não é só uma tentativa e nem segredo que é muito boa. Nem vou falar muito, Sense8 está aqui porque precisa ser recomendada para qualquer um que ainda não tenha assistido.

A série foca em oito personagens espalhados pelo mundo que se ligam mentalmente e emocionalmente após uma morte trágica .A temática da série basicamente foca em histórias avulsas dos 8 escolhidos que em determinados momentos ambos se conectam para superar conflitos.Eles podem não só conversar entre si como ter acessos aos mais profundos segredos de cada um. Juntos, eles precisam não apenas entender o que aconteceu e o porquê, mas também fugir de uma organização que está atrás deles para capturá-los e estudá-los.



E é isso, espero que tenham gostado das minhas indicações e que tentem assistir todas as séries, depois voltem aqui pra deixar a opinião, ok? Até a próxima postagem, terráqueos.


Nos acompanhe:

Instagram: @blogpagina394
E-mail: pag394@outlook.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Segue o Página 394

Twitter

Nosso instagram