20 de out de 2014

Resenha: Insônia [Mari Scotti]




Insônia
Insônia - Série Nefilins

Mari Scotti
Aped
Ano de 2013; 344 páginas


Suzanna perde os pais com oito anos de idade é salva por alguém que ninguém acredita existir. Quando está perto de completar dezoito anos, coisas estranhas passam a acontecer. Dois rapazes surgem em sua vida, são misteriosos e parecem saber muito mais sobre ela do que deveriam. Ela precisa escolher entre um ou outro, mas não sabe que essa escolha mudará sua vida para sempre.






Resenha:


Suzanna, ou Suzie para alguns, perdeu seus pais quando tinha apenas 5 anos, agora ela mora com os avós. Prestes a completar 18 anos, podemos dizer que ela é um pouco diferente das outras pessoas, Suzie nunca beijou, tem insônia, gosta de ler no quintal do vizinho e tem certeza que no dia do acidente de seus pais alguém a tirou do carro, mas a única coisa que lembra é dos olhos de um homem.
E é em uma de suas escapadas para o quintal de seu vizinho que ela conhece Pietro, o charmoso, sexy e misterioso P., ela se apaixona, mas de uma hora pra outra Arthur entra em sua vida, a partir daí Suzie descobre coisas sobre sua vida que talvez julgasse ser impossíveis, agora ela precisa escolher seguir o caminho da razão ou de seu coração.

"— Eles não jogam limpo, no inferno nada é justo, criança. — Ela suspirou, olhou para a porta atrás de mim e continuou, parecia apressada. — Talvez não tenha volta."

Eu não tenho só uma queda por anjos, tenho um penhasco inteiro, por isso já sabia que esse seria um bom livro, porém odeio triângulos amorosos, ou odiava porque Mari me fez amar Pietro-Suzie-Arthur, mas enfim vamos ao livro:
Tudo é muito lindo no inicio do livro, Suzie é diferente, tem um namorado maravilhoso e de repente tem um garoto fofo que aparece na vida dela, mas é claro que não ia ficar assim, quando começamos a descobrir quem realmente são Pietro e Arthur fica tão confuso, não por culpa da autora, mas porque você já se apaixonou por um e agora simplesmente odeia tudo que ele faz.
Insônia é um mistério, eu não consegui prever nada do que aconteceria nas páginas que viriam a seguir e adorei isso. Infelizmente senti falta de mais detalhes sobre Suzie, já que até a metade do livro só sabemos o que ela é e mais nenhum detalhe, mas espero algo diferente no segundo livro, Sonhos.
Os personagens são ótimos, cada um deles com sua personalidade, e Mari escreveu muito bem a menina diferente com alguns segredos em seu passado, o bad boy que conquista as leitoras, o carinha fofo e até mesmo os outros personagens marcaram, apenas um ou dois que não gostei.
Mari escreve bem e fim, desde as partes sobrenaturais até as mais românticas, todas são ótimas e prendem o leitor.
O fim do livro nos deixa com um ponto de interrogação gigante e faz querer ler o segundo livro o mais rápido possível, não porque deixa dúvidas, mas porque o desespero toma conta e é preciso saber o que acontece a seguir, quem lê com frequência já passou por isso.
Enfim, tirando alguns poucos pontos que não gostei o livro é muito bom, Mari é mais uma das autoras nacionais que eu indico.

"Sentei onde estava no piso frio, eu era apenas o demônio para ele, um ser das profundezas, repugnante. O inimigo. Alguém que ele queria matar."



Nos acompanhe:




Instagram: @blogpagina394
E-mail: pag394@outlook.com




Um comentário:

  1. Menina, eu não sabia dessa resenha e foi uma grata surpresa! Espero que em Sonhos conheça um pouco mais da Suzie. Amo esses três também e a ideia nunca foi um triângulo amoroso, mas todo mundo encara assim. Acho engraçado.
    Obrigada pelo carinho!
    Beijão, Mari Scotti

    ResponderExcluir

Segue o Página 394

Twitter

Nosso instagram