6 de dez de 2014

Semana O Sumiço de Beatriz | Dia 6





Mais um dia da semana de divulgação de O Sumiço de Beatriz, vamos ter mais um gostinho do livro e são as quotes que vão fazer o trabalho de hoje.



Título: O Sumiço de Beatriz
Autora: Carolina Matsuo






“...ele retribuía com um largo sorriso de contentamento ao vê-la ignorar as aventureiras tentativas dos seus amigos alcoolizados em conquistá-la.”

“- Serveur, mon chocolat chaud.”

“...determinado, saiu em busca de respostas à procura de Beatriz.”

“Não conseguia discernir se era um homem ou uma mulher, via apenas a silhueta de um rosto. Alguns minutos depois, em um piscar de olhos, ele desapareceu.”


“As janelas de vidro empoeiradas, algumas delas quebradas, e as paredes sem tinta com os tijolos à vista, além das vigas de madeira expostas que faziam a cobertura frontal, onde o telhado estava quebrado, não perdia para nenhum cenário de filme de terror japonês.”

“De repentem em meio à música ambiente de Sound of Silence de Simon & Garfunkel e do barulho das pessoas conversando, uma voz suave tocou os ouvidos de Tomaz.”


“- Você está louco, cara?! Vai vir gente atrás dele. Aliás, de nós! Quer fuder com tudo, porra?! - Julius segurou nos braços de Pedro, impedindo com que ele saísse.
- Está bem, está certo! Merda! - irritou-se.”

“Com meus olhos ardendo e a respiração ofegante, sentia o calor das chamas que se aproximavam da casa como se a engolisse aos poucos. Não havia para onde correr.”

“A luminosidade excessiva daquele período do dia lhe fazia semicerrar os olhos, que acompanhavam as curvas sinuosas da estrada. Esta era decorada pelos morros de eucaliptos e rasgava a vasta terra roxa que se dividia entre plantações de café e cana-de-açúcar.”

Venda do livro impresso SOMENTE com a autora, não está disponível em nenhuma livraria.

Onde comprar o livro digital:


Nenhum comentário:

Postar um comentário